Selfie elbow: conheça e entenda essa nova patologia

  • Você já ouviu falar de selfie elbow?
  • Entenda o que é esse quadro e quem é afetado por ele
  • Sintomas relacionados a patologia

Não é de hoje que os médicos alertavam que com a chegada e popularização dos computadores, smartphones e internet que algumas novas patologias surgiriam. Você já ouviu falar sobre selfie elbow? Não? Pois vamos conversar sobre isso nesse post.

Leia mais

Rugas: dicas para evitar essas marcas no seu rosto

Mitos sobre o pão: será que ele realmente é esse vilão?

Atualmente não é novidade que a internet e seus aparatos tecnológicos fazem parte da nossa vida e que há uma grande parcela de indivíduos que trabalham com a internet. Inclusive temos atualmente os influencers, que movimentam uma parcela significativa de público e também de recursos.

Mas até mesmo quem não trabalha diretamente com as redes sociais busca mantê-las atualizadas. Isso porque até mesmo em uma entrevista de emprego algumas empresas pedem o perfil do entrevistado para consulta.

Nesse sentido é normal que alguns usuários tirem uma série de selfies diariamente. Se você está frequentemente nas redes sociais deve saber do que estamos falando ou deve ser uma dessas pessoas que tiram selfies diariamente.

Justamente por essa enxurrada de selfies surgiu uma nova patologia que talvez você já tenha ouvido falar. Estamos falando da selfie elbow. Se você não conhece, vamos detalhar tudo o que você precisa saber sobre o assunto.

Selfie elbow: o que é?

Selfie elbow é um conceito que vem do inglês. E o termo elbow significa em tradução livre cotovelo. Ao mencionarmos selfie elbow estamos falando sobre a dor de cotovelo que as selfies excessivamente tiradas tem provocado. Mas não exatamente a dor de cotovelo a qual estamos acostumados a mencionar, em sentido figurado.

Estamos falando da dor real, que afeta essa região do corpo em milhares de pessoas que possuem o hábito de tirar muitas selfies diariamente. Mas não se preocupe que te explicaremos em detalhes o assunto.

Para tirar uma selfie é preciso que seja feito um movimento, certo?! A repetição desse movimento pode levar a um processo de inflamação nos e tendões do cotovelo, gerando dessa forma a dor de cotovelo.

Para que você possa entender precisamente o que acontece, esse processo de inflamação ocorre quando o indivíduo estica o braço para a realização da foto e ao mesmo tempo tensiona/aperta a mão para segurar o smartphone. Claro que isso não vai acontecer de um dia para o outro.

O desenvolvimento do elbow ocorre a partir do momento que esse movimento para a tirada da selfie ocorre várias vezes ao longo do dia.

Com a crescente das redes sociais, o número de pessoas tirando cada vez mais selfies tem crescido. E isso tem levado a um maior número de portadores da selfie elbow. A famosa dor de cotovelo da selfies.

Previsão médica sobre o quadro já existia

O selfie elbow assim como problemas de visão e igualmente de coluna, comuns em idosos foram observados pelos médicos como sendo quadros que se tornariam comuns com a popularização da internet, e igualmente de seus aparatos tecnológicos como, por exemplo, smartphones, tablets, e computadores.

Ou seja, se você está sentido de dores no braço que utiliza para tirar selfies pode desconfiar que talvez a causa seja o selfie elbow. Veja abaixo alguns dos principais sintomas do quadro.

Sintomas do selfie elbow

Não é maneira de se expressar, pelo contrário, o principal sintoma consiste justamente na dor no cotovelo. Mas essa dor que se manifesta primeiramente no cotovelo pode se estender até a região das mãos. Mas assim como todo processo inflamatório pode apresentar em igualmente aumento da temperatura na região e leve inchaço também.

Há relatos de dificuldades para movimentar o braço, ou seja, para flexionar o cotovelo.

Vale mencionar igualmente que embora seja o braço e a mão a região mais afetada a apresentar dores, quando você vai tirar uma selfie, tensiona também o pescoço e o ombro para a foto.

Essa região também pode acabar ficando com dor pela tensão assim como o cotovelo.

Infelizmente as pessoas costumam não se incomodar quanto a dor uma vez que ela tende a ir e vir, mas o ideal é estar atento uma vez que quando não tratada pode acabar se agravando e demandando de tratamento médico.

Se você está observando dores nas regiões mencionadas é preciso atenção. Do contrário o quadro pode acabar se agravando e o tratamento médico se tornando mais complexo.

Como tratar o selfie elbow? Veja dicas de prevenção e tratamento

Se você realiza fotos diárias, as famosas selfies e ainda não está sentindo as dores, isso é realmente ótimo. Mas é sempre bom prevenir do que remediar e a melhor maneira de prevenir que o quadro apareça é por meio do investimento no alongamento. O alongamento consiste na melhor estratégia e nesse caso o alongamento de todo o corpo.

Para alongar o seu corpo é bom realizar alguns exercícios pela manhã antes de iniciar suas atividades e também antes de tirar as fotos. Outra alternativa que pode ser adotada também e que vai ajudar a combater o desenvolvimento da patologia é a utilização do chamado pau de selfie. Ele permite que seja possível tirar fotos apenas com um controle remoto.

O pau de selfie já esteve em alta até cair em desuso, mas para combater as dores que as selfies excessivas podem desencadear, pode ser uma boa alternativa. O custo não é elevado e pode ser facilmente encontrado na internet.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Selfie elbow: conheça e entenda essa nova patologia

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: