Higiene do sono: o que é, técnicas e importância

  • O que é a higiene do sono?
  • Qual a importância das técnicas para higienizar o seu sono?
  • Dicas para ter uma noite de sono agradável

Você já ouviu falar de higiene do sono? O nome não é muito conclusivo, mas os hábitos de higiene do sono podem melhorar significativamente as suas noites. O que sabemos vai melhorar consequentemente o seu descanso.

Leia mais

Chá de orégano: conheça os benefícios da bebida

Cuidados ao pedir delivery em tempos de pandemia

Vamos conhecer um pouco mais sobre o que vem a ser a higienização do sono e qual a sua importância?

Higiene do sono: o que é?

O termo higiene vem de limpeza. Certamente é a primeira coisa que pensamos quando ouvimos o conceito. Mas como isso se aplica ao nosso sono? Simples. Assim como a higienização do nosso corpo é um ritual diário que fazemos com zelo, ou pelo menos deveríamos, a higienização do sono também. É ela a responsável por fazer com que as noites de sono sejam saudáveis, tranquilas e reparadoras.

De modo bem simplificado consiste em técnicas que fazem com que não deixemos que fatores externos prejudiquem a nossa noite.

Pessoas que apresentam problemas substanciais em relação às noites de sono podem receber indicações de técnicas de higienização por meio de um médico especializado. Neste caso, o mais comum é o psiquiatra.

Em síntese, a higienize do sono nada mais é do que mudanças nos hábitos ou comportamentos com o objetivo de melhorar a qualidade, ou a indução ao sono.

Sabemos que fatores externos, tais como alimentação ou mesmo o uso do celular tarde da noite podem prejudicar o sono. As técnicas de higiene do sono visam evitar que a sua noite seja ruim, reorganizando seus hábitos.

Higiene do sono: tenha horário para dormir

Higiene do sono

O nosso cérebro é quem comanda o nosso corpo e é ele quem determina o desligar e o acordar. Se a cada dia deitamos e acordamos em um determinado horário o nosso corpo terá dificuldade para assimilar a mensagem de que é hora de dormir ou acordar.

Mesmo que imprevistos aconteçam, tente estabelecer um horário principalmente para dormir para que o seu corpo se acostume e a indução ao sono seja mais fácil quando o momento chegar.

Não deite durante o dia

Embora tenhamos dito “não deite” o indicado é evitar a cama de todo e qualquer modo ao longo do dia. Se você usa a sua cama para comer, ler, assistir tevê ou similares quando deitar para dormir dificilmente o seu cérebro entenderá o recado e conseguirá desligar. Ele pensará que é apenas mais uma das atividades rotineiras feitas na cama. Por isso para evitar que a sua noite seja prejudicada evite a cama e até mesmo o quarto ao longo do dia.

Permaneça um tempo no sol para melhor higiene do sono

Higiene do sono

O sol, como bem sabemos, regula diversas funções em nosso organismo e uma delas é o sono.

Para não ter problemas com a qualidade do seu sono e para noites reparadoras o recomendado é permanecer cerca de uma hora em um ambiente aberto com exposição a  luz solar. Se não for possível, um tempo menor também é benéfico. Você deve estar se perguntando como o sol pode favorecer boas noites de sono. É simples, a exposição ao sol auxilia o corpo a trabalhar melhor a identificação dos períodos de vigilância e de descanso. Desta forma, quando escurecer ele terá mais facilidade para identificar que é hora de dormir.

Comece a se preparar para adormecer

Higiene do sono

Essa pode parecer uma dica boba, mas não é. Nossos antepassados, com a limitação da ausência de energia elétrica tinham a noite mais limitante que a nossa. Assim sendo, se preparavam naturalmente para dormir quando escurecia. Com o advento da eletricidade podemos fazer as mais diversas atividades até tarde da noite e isso pode atrapalhar o sono de maneira substancial.

Sendo assim, prepare-se para dormir pelo menos duas horas antes da hora de efetivamente deitar e adormecer.

Comece diminuindo a luz do ambiente, abaixando o som da tevê e de outros aparelhos. Tudo isso auxiliará o seu corpo a produzir melatonina. A melatonina é o hormônio responsável pela indução ao sono e boas quantidades de melatonina estão associadas a noites melhores.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: