Covid-19: tudo o que você precisa saber sobre o coronavírus

  • Devo me preocupar com o Covid-19
  • Por que devemos usar álcool gel?
  • Máscaras são formas de prevenção efetivas?

Muito tem se falado e se especulado sobre o Covid-19. Pensando nisso resolvemos trazer um panorama do que é fato, do que é mentira, e principalmente do que é importante para você saber neste momento.

Leia mais

Labilidade emocional: saiba o que é, como diagnosticar e tratar

Mindfulness: Viva melhor abandonando velhos pensamentos

Estamos enfrentando um inimigo invisível e muito devastador que já contaminou mais de dois milhões de pessoas, levando mais de cento e quarenta mil pessoas a morte.

Por conta da gravidade da doença, muito tem se falado sobre prevenção, contágio e até mesmo tratamento. Vamos esclarecer melhor tudo o que você de fato precisa saber sobre o Covid-19 e tirarmos as principais dúvidas sobre o assunto.

O que vem a ser o Covid-19 e eu devo me preocupar com isso?

covid-19

Embora o Covid-19, coronavírus, ou ainda nCoV-2019, seja recente (tendo sido descoberto em 2019), a família a qual pertencem, a família de coronavírus não é nada atual, pelo contrário. A família de coronavírus foi relatada pela primeira vez em seres humanos em meados dos anos de 1937. Mas somente em 1965 foi descrito como coronavírus devido ao formato de coroa sobre o que se projetava de sua superfície.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de oitenta porcento das pessoas com coronavírus são assintomáticos ou apresentam leves sintomas. Apenas vinte porcento dos contaminados acabam necessitando de atendimento médico e deste total o número de casos agravados é próximo de cinco porcento.

De acordo com informações do Ministério da Saúde, a maioria das pessoas tem contato com outros coronavírus ao longo de toda a vida. O mais comum a afetar seres humanos, inclusive, é o alfa coronavírus seguido do beta coronavírus, sendo as crianças a mais propensas a sofrerem com a infeção.

Quanto a necessidade de preocupação, sim, é importante que você se preocupe quanto a este novo coronavírus e o seu alto grau de contágio. Isso acontece porque veja bem, embora não sejam todos os infectados a desenvolver quadros respiratórios graves que demandem cuidados, se o número de infectados for muito elevado, a porcentagem de pessoas que demandarão de cuidados médicos será igualmente alto. A saúde pública não terá capacidade de atender a todos e o número de mortes será elevado. Há pessoas infectadas por Covid-19 que precisarão de suporte para a respiração, equipamento que não há no país capacidade de atender a todos se o número for muito elevado.

Por que o uso do álcool gel se tornou tão recomendado?

Lavar as mãos de maneira correta, com água e sabão, é uma das melhores, se não, a melhor maneira de evitar o contágio pelo coronavírus. Entretanto, nem sempre podemos estar lavando as mãos, e o uso do álcool em gel acaba atuando diretamente sobre a camada de gordura presente neste vírus eliminando-o de maneira eficaz. Desta forma, se você não puder lavar as mãos regularmente, utilize sempre o álcool em gel 70°. Ou o álcool líquido de mesmo teor para proteger-se.

Desinfetantes auxiliam na eliminação do vírus?

covid-19

Está é uma pergunta muito comum, afinal, o uso destes produtos comercializados nos supermercados são eficientes? Sim, tanto desinfetantes (quando possuem a base em cloro) quanto detergentes são extremamente eficazes para combater a propagação do vírus. Assim como o álcool, estes produtos atuam sobre a camada de gordura que recobre e protege o vírus, eliminando-o igualmente.

A máscara é eficiente?

covid-19

O uso da máscara é muito eficiente para conter o contágio do coronavírus. Atuando como uma barreira física efetiva. A máscara, a partir do uso adequado, evita a entrada do vírus em nossas vias aéreas. Mas para tanto é necessário que o uso seja feito de maneira adequada, e que a mesma somente seja tocada após a higienização das mãos.

Apesar de não ser sozinha a melhor maneira de conter a propagação do vírus, a máscara aliada a outras formas de prevenção garante segurança tanto para quem usa quanto para um terceiro. Pense com a gente, caso você seja um paciente assintomático, (que não é incomum no caso do Covid-19) poderá transmitir o vírus para uma outra pessoa (está que pode estar no grupo de risco e sofrer com complicações graves da doença). Reforçando a sua eficácia, em alguns locais inclusive, há recomendações para que ao se deslocar os indivíduos usem máscaras.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Covid-19: tudo o que você precisa saber sobre o coronavírus

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: