Fadiga: como identificar e combater o problema

  • Entenda o que é a fadiga
  • O que causa o estado fadigado
  • O que fazer para vencer o cansaço

A fadiga se configura como um cansaço excessivo e uma quase incontrolável vontade de dormir. Comportamentos estes que comprometem a rotina e as atividades de seu portador.

Leia mais

Janeiro Branco: Dicas para melhorar a sua saúde mental

Doença de Lyme: conheça a patologia do cantor Justin Bieber

Sabemos que não é normal acordar todos os dias cansado e com desejo de voltar para a cama. A fadiga excessiva, ou seja, esse cansaço aparentemente sem causa pode ser sinal de que algo não vai bem no seu organismo. Mas quando identificar e tratar o problema? E quando o cansaço que sentimos pode indicar que algo não está bem?

A fadiga e o que você precisa saber sobre ela

fadiga

Os hábitos de vida podem estar diretamente relacionados com a fadiga e o cansaço excessivo. Se você não fez nenhuma atividade fora da rotina, ou uma atividade física e se sente extremamente cansada, é preciso investigar a causa, o porquê desta sensação. Por sorte muitos casos em que a fadiga está presente por ser reduzido ou até mesmo totalmente tratado com mudanças nos hábitos alimentares, na rotina de vida e por vezes no uso de suplementação.

Quando falamos do estilo mencionamos porque, por exemplo, o consumo de álcool e drogas que podem gerar o desgaste até mesmo superior ao de uma atividade física de grande impacto e desencadear a fadiga. Mas não são apenas estes os possíveis motivos para que você se sinta fadigado, há inúmeros outros.

Outros fatores que levam a fadiga são a falta de atividades físicas, o excesso das mesmas, falta de uma boa noite de sono, consumo de determinados medicamentos anti-histamínicos e medicamentos para tosse. Alimentação inadequada que dá poucos nutrientes ao corpo também é um fator que pode desencadear o cansaço excessivo.

Uma questão curiosa em relação à fadiga é que ela pode resultar de um processo natural do corpo. Por exemplo, para que o nosso organismo transforme o que comemos em energia é preciso a realização de processos químicos que produz amônia. A amônia é prejudicial para todo o nosso corpo, desde as células do sistema nervoso e quando em excesso pode levar ao desenvolvimento de um estado de esgotamento e cansaço.

Como acabar com a fadiga?

fadiga

A melhor dica para acabar com o cansaço excessivo é partir do princípio, ou seja, dormir bem. Dormir bem é fundamental para que você consiga vencer o estado de fadigação. Quando falamos em dormir bem não estamos apenas falando em dormir oito horas de sono diariamente, mas dormir um sono de qualidade. Mais do que a quantidade de horas dormidas é preciso que estas horas sejam plenas, de qualidade.

Além de boas noites de sono é preciso que você abandone hábitos alimentares ruins e passe a consumir alimentos mais nutritivos. Alimentos ricos em vitaminas e minerais que fornecerão ao seu corpo o combustível para que o mesmo funcione de maneira adequada. A prática de atividade física é indicada, mas de maneira moderada, regularmente.

O uso de suplementação

Outra maneira de vencer o cansaço excessivo é por meio do uso de um suplemento. O mais indicado é uma mistura de aspartato de arginina com vitamina C. Este composto é indicado para eliminar o excesso de amônia presente em nosso organismo. Para isso a arginina transforma toda a amônia presente, produzida pela transformação em energia em ureia. A ureia é eliminada posteriormente por meio da urina. Neste caso para vencer o cansaço por meio do consumo deste suplemento é preciso manter uma boa hidratação.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Fadiga: como identificar e combater o problema

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *