Curiosidade sobre os ratos que você nem imagina

  • Ratos: um conceito genérico
  • Amigos de longa data
  • Queijos e outros alimentos

Os ratos são animais que precisamos admitir, nos chamam bastante atenção. E precisamos reconhecer são animais realmente interessantes se pararmos para analisá-los. De certo você não gosta deles porque já deve ter sofrido com as suas aparições e também com a bagunça que fazem, embora sejam animais que podem passar despercebidos.

Leia mais

Maus hábitos que podem prejudicar a sua autoestima

Lanches que podem te ajudar a dormir melhor

Pensando em como estes pequenos podem ser interessantes e como podem estar muito presentes em nossa casa por terem se tornado uma praga nas grandes cidades resolvemos trazer algumas curiosidades que farão com que você olhe para eles de maneira diferente.

Ratos não são todos iguais

Embora o termo rato seja genericamente utilizado para designar pequenos roedores presentes em nossa casa, vale aqui uma observação.

Ratos não são todos iguais e possui espécies e tipos diferentes. É basicamente, ou surpreendentemente como os gatos e os cachorros que mesmo que sejam genericamente chamados assim possuem tipos e raças.

Os tipos de ratos mais comuns em aglomerações humanas são as ratazanas, os camundongos e o chamado rato do telhado.

Estes roedores quando vistos são comumente chamados de ratos mas são bem diferentes entre si. A ratazana para ser ter uma ideia, é a maior entre eles, podem medir cerca de vinte e cinco centímetros de comprimento sem contar a sua calda.

Habitualmente as ratazanas vivem em tubulações de água e esgoto e saem a procura de alimento no período noturno. Nesta característica se assemelham aos camundongos e ao rato do telhado. Todos os três possuem o hábito de procura por alimentos sorrateiramente a noite. Por ser a maior de todas, a ratazana não tem o hábito de se expor excessivamente para conseguir alimentos.

Os ratos que na verdade são camundongos são animais mais difíceis de serem percebidos no ambiente e normalmente costumam habitar nossas gavetas em guarda roupas e cômodas, além de armários em geral. São animais infinitamente menores do que as ratazanas, podendo chegar a medir oito centímetros com cerca de apenas vinte gramas.

Os ratos do telhado dificilmente são visto por preferirem as áreas mais altas de nossa casa. Medem cerca de vinte e um centímetros e são mais facilmente percebidos do que os camundongos.

A convivência é antiga

Se você acha que a presença de ratos em instalações humanos seja algo recente por conta de possivelmente uma destruição de seu habitat natural, veja, não é bem assim. Os ratos estão convivendo conosco a mais de dez mil anos ao que tudo indica.

A reprodução da ratazana é surpreendente

Embora não seja necessariamente considerada uma praga domiciliar e não sofra diretamente com métodos de eliminação. Uma vez que ao contrário do rato do telhado e do camundongo não habitam a nossa casa. As ratazanas não teriam problema em perpetuar a sua espécie uma vez que a sua reprodução é tão farta.

Em um período de apenas doze meses a ratazana pode se reproduzir gerando cerca de incríveis duzentos filhotes.

Queijo não é a sua comida preferida

ratos

Essa certamente é a sua maior surpresa em relação ao comportamento dos ratos, isso porque, veja, os ratos e aqui nos referimos aos três tipos mais comuns em instalações humanas, preferem alimentos altamente calóricos e açucarados. A ratazana mesmo é uma apreciadora nata de derivados da cana de açúcar, o camundongo adora farelo e outros grãos.

Curiosamente os camundongos podem acabar provando o alimento antes de fazer de fato o seu consumo. O rato do telhado por sua vez consome legumes e frutas além de cereais e pequenos insetos.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 4.3
Total de Votos: 3

Curiosidade sobre os ratos que você nem imagina

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: