Cansaço crônico: você sabe o que é e como identificar?

  • Cansaço crônico: parece que há algo errado com você
  • Mais hábitos que levam ao cansaço crônico
  • Como ter uma boa noite de sono?

A maioria das pessoas já se acostumou a se sentir cansada. Mas você saberia identificar se trata-se de um cansaço crônico? A pergunta é importante porque mesmo se sentindo cansados a maioria das pessoas costuma colocar a responsabilidade nisso na correria da vida moderna e igualmente nos inúmeros afazeres.

Leia mais

Benefícios do yoga: adicione a prática a sua rotina diária

Você tira muitas selfies? Pode acabar sofrendo com a selfie elbow

Mas também, pense bem, quem não estaria de fato cansado tendo que manter a casa sempre limpa, cuidar da família, dos filhos, trabalhar, estudar, ter uma vida social razoavelmente ativa, dentre outras coisas. São realmente muitas atividades para um dia com apenas vinte e quatro horas e quando não se tem filho e família para cuidar, por exemplo há atividades escolares, trabalho, pet e uma série de outras responsabilidades que podem ser igualmente cansativas.

Se você está fazendo todas essas atividades em modo automático, como se fosse um tipo de zumbi, sem aproveitar de fato a vida e os seus respectivos bons momentos, talvez seja hora de conversarmos sobre cansaço crônico.

Cansaço crônico: parece que algo está errado

Quando temos uma rotina agitada é normal nos sentirmos cansados. Mas é preciso atenção quando esse cansado nunca vai embora. Pessoas acometidas com o chamado cansaço crônico acordam pela manhã e passam o restante do dia cansados como se precisassem eternamente de férias ou de darem uma pequena pausa para um pequeno cochilo ao longo do dia.

Pessoas que sofrem com o excessivo cansaço justamente por estarem cansadas abrem mão de suas atividades prazerosas.

Se você está sentindo vontade de descansar o tempo todo, ou mesmo não descansando está sentindo que precisa de férias, isso é um alerta para a versão crônica do cansaço. Mas antes de seguirmos é preciso uma ressalva importantíssima aqui.

O cansado crônico não acomete somente aqueles que possuem uma agenda lotada, pelo contrário. Pode ser desencadeado pelos hábitos ruins que vamos adquirindo ao longo da vida. Então sim, mesmo que você não tenha uma agenda lotada você pode estar cronicamente cansada.

Abaixo você verá alguns exemplos de hábitos ruins que podem levar ao cansaço crônico.

O importante aqui é que independente dos fatores que estão desencadeando o problema ser uma agenda cheia ou mesmo maus hábitos, é hora de parar e refletir sobre o que realmente é prioridade para você. Talvez algumas coisas terão de perder prioridade para que você possa efetivamente se livrar do cansaço crônico.

Vamos conhecer alguns hábitos que levam ao quadro?

Alimentação e o cansaço crônico

cansaço crônico

Quando você tem uma rotina atribulada é comum não comer adequadamente porque se come o que dá quando dá tempo. Isso é extremamente ruim sobretudo porque você não estará ingerindo as calorias necessárias para manter as suas atividades diárias. Igualmente você não estará ingerindo os nutrientes fundamentais para se manter saudável.

O resultado? Seu corpo vai reduzir os gastos de energia e você vai se sentir permanentemente cansada. Para quem não tem o hábito de cozinhar por preguiça, o problema acaba sendo mais fácil de se resolver uma vez que é preciso colocar a sua saúde como prioridade nesse momento.

Para quem não cozinha por falta de tempo, talvez seja melhor recorrer a marmitinhas congeladas feitas no fim de semana para não precisar gastar. Mas não abra mão de uma alimentação saudável e equilibrada. Sem isso você não conseguirá vencer o cansaço crônico e todos os outros passos aqui serão praticamente inúteis. Tratar apenas um dos aspectos pode ajudar mas não resolverá a questão.

Durma melhor para mais qualidade de vida

cansaço crônico

A essa altura você já deve conhecer a importância do sono para uma boa qualidade de vida, não é mesmo?!

O cansaço crônico mais do que físico também é mental e faz com que você sinta mais sono durante boa parte do dia. Para que você possa contornar a situação do cansaço crônico, o ideal é ter uma boa qualidade de sono para que o seu corpo possa realmente descansar, tanto física quanto mentalmente.

Um exemplo interessante diz respeito ao fato dos bocejos. Embora possam parecer inocentes, bocejos repetitivos indicam que a sua mente precisa de uma breve parada, e realmente você pode observar que o seu rendimento acaba sendo reduzido.

Atenção quanto a sua noite de sono e sobretudo a sua qualidade.

Em quais situações procurar um médico?

cansaço crônico

Esses hábitos mencionados acima podem favorecer o aparecimento e igualmente podem tratar o cansaço crônico. Mas seria irresponsável não mencionar aqui quais seriam as condições que devem ser consideradas para que você busque atendimento médico especializado.

Ao manifestar algumas dessas condições o ideal é que você se consulte com um médico de sua confiança.

São problemas que podem afetar a sua qualidade de sono e consequentemente não vão te deixar descansar plenamente.

São eles apneia do sono, sonambulismo, insônia, bruxismo, desequilíbrios hormonais que podem estar alterando o seu sono, aumento de peso, etc.

Caso você perceba em si, um comportamento explosivo ou mesmo um rendimento prejudicado em suas atividades diárias talvez seja sobretudo porque suas noites não estão sendo satisfatórias. Nesse caso vale tentar algumas técnicas de higiene do sono e consultar um médico se não resolver.

Dentre as dicas de higiene está ter um horário fixo para dormir e acordar, utilizar roupas confortáveis para dormir, tentar deixar o quarto em temperatura adequada, agradável, assim como realização regular de exercícios físicos mas não antes de deitar.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Cansaço crônico: você sabe o que é e como identificar?

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: