Cápsulas medicinais

As cápsulas concentram os nutrientes e as substâncias que fazem com que sua eficácia seja mais rapidamente sentida. Além das cápsulas, esses extratos podem ser manipulados em pastilha, bombom ou bala de colágeno.

Os extratos das frutas e folhas têm efeito parecido aos dos novos medicamentos convencionais, diminuem o apetite, aceleram o metabolismo e impedem parte da absorção do carboidrato e da gordura. A vantagem das cápsulas naturais é agirem de maneira suave, sem alterar o equilíbrio do organismo.

Veja alguns tipos de cápsulas a venda:

Laranja

Aumentar o consumo de fibras ajuda a emagrecer. Porém consumir a dieta diária necessária de fibras e vitamina C nem sempre é fácil. O recomendado são 30 gr por dia e aí que as cápsulas podem ajudar. Ela é feita com o extrato da laranja e ajuda a conseguir a dose diária necessária, além de acelerar o metabolismo, facilitando a perda de peso.

A cápsula aumenta a sensação de saciedade devido a pectina (fibra solúvel presente na parte branca da laranja) que vira um gel quando ingerida com líquido, preenchendo o estômago. O poder termogênico da casca da laranja, também presente na cápsula, favorece a dieta devido os óleos essenciais da casca dos cítricos que ativam o metabolismo e a queima de gordura corporal.

Para um melhor efeito o recomendado é consumir a cápsula com  um cardápio equilibrado e o consumo de pelo menos 2 litros de água ou chá por dia. A dose máxima diária deve ser de 600 miligramas, ou seja, 2 cápsulas, uma em jejum e outra após o almoço.

É contra-indicado para lactantes, gestantes e hipertensos.

Manga

Seu extrato tem o poder de diminuir a velocidade de esvaziamento do estômago, evitando que o organismo fique sem açúcar subitamente. As fibras da fruta ajudam a emagrecer e auxiliam no funcionamento do intestino. Também pode  acelerar a queima de gordura, especialmente na região abdominal.

É recomendado a diabéticos ajudando a manter os níveis de açúcares baixos e na produção da insulina, hormônio responsável pela manutenção desses açúcares no sangue.

A dose máxima diária recomendada é de 1 gr ao dia, sendo contra-indicado para grávidas e lactantes. A dose pode ser dividida em 2, tomando uma antes do almoço e uma após.

Chá verde

A dose diária máxima recomendada é de 500mg por dia, sendo de 1 a 3 vezes ao dia, variando a quantidade de erva em cada cápsula. Não tome antes de dormir, pois, o chá verde contém cafeína e pode atrapalhar o sono. As cápsulas ajudam a emagrecer, na boa digestão e queima de gorduras.

Seu excesso pode causar insônia, irritabilidade e até enjôo.

É contra-indicada para pessoas com hipertensão, grávidas, lactantes e com diabetes.

Existem várias outras cápsulas disponíveis no mercado, como de Linhaça, Cevada, Alho, ômega 3, dentre outras.

Dicas

  1. Fique atento ao lugar que você compre essas cápsulas, adquira apenas em farmácias de manipulação de confianças.
  2. Tome somente o recomendado, doses inadequadas podem ser perigosas ou simplesmente podem não funcionar.
  3. As cápsulas só surtem efeito se feito com um acompanhamento médico e uma dieta balanceada.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: Arteblog - RafaelEm: agosto 10, 2011 | Em Alimentação  | Tags: , , ,  

3 respostas para “Cápsulas medicinais”

  1. dalvinha disse:

    Venho por meio desta, para saber se vcs trabalham com omega 3 em capsulas que dizem que é muito bom e quanto custa por favoe aguardo um e-mail de vcs…

  2. isabel disse:

    estou gostando muito das dicas que recebo diariamente no meu email

  3. cidinha disse:

    Obrigada pelo artigo das cápsulas medicinais, eu estava esperando, essa de laranja é novidade pra mim.
    obrigada arteblog, beijos.