Aleitamento materno: Por quê amamentar o bebê?

  • Mês de Aleitamento Materno: importância
  • Conhecendo os benefícios da amamentação para o bebê
  • Banco de Leite Humano (BLH)

Quando falamos sobre aleitamento materno muita mamãe acredita que há benefícios apenas para o bebê. Mas o fato é que o processo de amamentação traz benefícios também para as mães e é sobre isso que gostaríamos de conversar com você hoje.

Leia mais

Casa mais sustentável: veja dicas de como obter

Benefícios do boldo: conheça como usar essa planta

O aleitamento possui papel fundamental para o bebê podendo reduzir a incidência de inúmeros problemas. Tanto é que o Ministério da Saúde em parceria com a Organização Mundial da Saúde, a OMS, realiza anualmente o Mês do Aleitamento Materno, um mês dedicado especialmente para nos fazer refletir sobre a importância desse gesto de amor.

Aleitamento materno traz inúmeros benefícios para o bebê

O aleitamento materno segundo estudos desenvolvidos pela coordenação de Ações de Aleitamento Materno do Ministério da Saúde traz benefícios para o bebê que o acompanharão para toda a vida. E há ainda estudos sobre estes benefícios sendo realizados. Dentre o que já se sabe sobre o aleitamento materno, o processo seria responsável por reduzir a mortalidade infantil em até treze por cento.

Para alcançarmos esse patamar estamos falando da amamentação exclusiva até os seis meses e da amamentação até cinco anos.

Além da redução da mortalidade infantil, a amamentação reduz as chances de obesidade, reduz as chances do bebê desenvolver infecções respiratórias, alergias, diabetes, colesterol alto, hipertensão, além disso, evita a diarreia e favorece o desenvolvimento da cavidade bucal da criança. Não precisamos nem mesmo mencionar que o processo de amamentar fortalece o vínculo entre mamãe e bebê, não é mesmo?

Todos estes benefícios que a amamentação promove reflete principalmente em uma melhora significativa no quadro de saúde pública a longo prazo.

Benefícios para as mamães

Aleitamento materno

Embora pensemos apenas nos benefícios que a amamentação promove para o bebê, a prática traz benefícios também para as mamães. Aliás, traz benefícios bem interessantes que merecem ser mencionados.

O processo de amamentação ajuda sobretudo a reduzir as chances de incidência de câncer de mama e auxilia de maneira efetiva no pós parto. Isso porque a amamentação leva a maior contração do útero e a contração favorece com o que o mesmo volte ao seu tamanho normal mais rapidamente do que mamães que não amamentam.

Outro benefício bem interessante é principalmente para as mamães que estão tentando voltar a boa forma. Amamentar auxilia na perda de peso porque queima consideravelmente calorias. Mulheres que produzem em média cerca de setecentos e cinquenta milímetros de leite por dia gastam para produzi-lo mais ou menos cerca de seiscentos e quarenta calorias. Isso sem contarmos que o próprio processo de amamentação também gasta calorias.

Viu? A amamentação traz benefícios para todos, tanto para a própria mamãe quanto para o bebê.

Bancos de leite

Aleitamento materno

Os bancos de leite também mencionados sobretudo como Bancos de Leite Humano (BLH) consistem em uma das principais estratégias do Ministério da Saúde para reduzir a mortalidade infantil em todo o país. Os bancos de leite se configuram como locais onde as mulheres nutrizes podem doar ou retirar leite para o processo de amamentação para o filho.

Segundo dados do Ministério da Saúde o número de mulheres atendidas pelos bancos de leite desde 2011 passa a marca de oito milhões. Oito milhões de mulheres buscaram o banco para assistência de alguma forma.

De acordo com o último balanço divulgado pelo Ministério o número de unidades dos bancos chegava a duzentos e vinte e uma e o número de pontos de coleta era de cento e oitenta e oito, além da coleta domiciliar.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Aleitamento materno: Por quê amamentar o bebê?

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: