Remédio manipulado e de laboratório: as principais diferenças

  • Conhecendo o remédio manipulado
  • O laboratorial é melhor?
  • Principais diferenças

Se você está com uma consulta marcada pode se preparar. Sempre que nos consultamos saímos com uma receita médica. Se você já está com uma indicação de medicamento para comprar e está em dúvida sobre um medicamento manipulado e um medicamento de laboratório nós podemos te ajudar.

Traremos aqui as principais diferenças e você estará apta a escolher entre um e outro.

Leia mais

Aprovado remédio para tratamento da compulsão alimentar

Como tirar manchas difíceis de suas roupas

Estou com a receita de um remédio manipulado e agora?

Se você está com a receita de um remédio manipulado prescrito por um profissional de sua confiança não há motivos para se preocupar. Algumas pessoas se sentem insegura quando colocadas à frente de um remédio manipulado. O principal questionamento é sobre a qualidade e a eficiência deste produto.

Mas se um profissional qualificado e de sua confiança o indicou você não precisa se preocupar quanto a sua eficácia e a confiança sobre o produto. Com o remédio manipulado você terá um medicamento totalmente personalizado que atenderá as suas necessidades. Quantas vezes você não precisou partir um comprimido para que a dosagem fosse a indicada pelo seu médico? Ou quantas vezes você terminou o tratamento com uma sobra muito grande de medicamentos? Isso é comum quando pensamos no remédio industrializado de laboratório. Além de oferecer a dosagem exata e a quantidade certa de medicamento, o remédio manipulado ainda pode ser feito na forma mais confortável para o paciente. Seja em comprimido, em cápsula, gel e assim por diante.

Os medicamentos industrializados

Os medicamentos industrializados são medicamentos produzidos em larga escala. Os índices de dosagem utilizados e a quantidade de medicamentos são padronizadas de modo que seja possível ser utilizado pelo maior número possível de pessoas. Normalmente os medicamentos industrializados tem um custo de produção e consequentemente refletido no consumidor final muito mais alto que o medicamento manipulado. Medicamentos estes que dentre outras coisas não carrega a marca do laboratório, que como sabemos encarece o preço.

Mas e as tais diferenças?

A principal diferença entre o remédio manipulado e o industrializado diz respeito a forma como são produzidos. Os medicamentos industrializados são produzidos em larga escala como comentamos anteriormente. Os medicamentos manipulados são produzidos em escala surpreendentemente menor voltada a atender o seu público em específico muitas vezes sob encomenda. Outra questão importante que os diferencia diz respeito aos padrões de segurança. Enquanto os medicamentos industrializados seguem rígidos padrões de produção e segurança os medicamento manipulados não se pode averiguar. Desta forma, é fundamental que você compre-os de farmácias de sua confiança.

Mas as diferenças não param por aí. Os medicamentos manipulados como mencionamos anteriormente possuem um custo mais atrativo. Podendo ser até cinquenta por cento mais baratos do que o medicamento industrializado. Por outro lado, em contrapartida, o remédio manipulado tem um tempo de uso muito menor. A sua validade é mais curta que a do medicamento laboratorial. Entretanto, apresenta as mesmas características com um preço mais acessível. Neste caso é preciso apenas cuidado quanto a quantidade a ser manipulada para evitar desperdícios.

Normalmente o tempo de validade de um manipulado é de três a seis meses.

Como escolher uma boa farmácia de manipulação

remédio manipulado

Quando estamos adquirindo um remédio industrializado só precisamos nos ater quanto ao custo. Qual farmácia vende mais barato? Dentre outras coisas. Quando pensamos no medicamento manipulado é necessário alguns critérios diferentes.

Antes de encomendar o seu medicamento em qualquer farmácia por aí é preciso verificar se a mesma possui certificado da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa. São cerca de duzentos critérios exigidos. É preciso saber também se a mesma possui ainda autorização do conselho farmacêutico e da vigilância sanitária do local onde atua.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 4.5
Total de Votos: 2

Remédio manipulado e de laboratório: as principais diferenças

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Uma resposta para “Remédio manipulado e de laboratório: as principais diferenças”

  1. […] Remédio manipulado e de laboratório: qual escolher? […]