Creme dental: dicas para escolher o melhor para você

  • Creme dental não é tudo igual
  • Por que você deve evitar cremes com função de branqueamento?
  • A importância do flúor

A saúde de nossos dentes sem dúvida deve ser uma preocupação constante. Isso porque além de refletir diretamente em nossa aparência reflete também em nossa qualidade de vida e autoestima.

Se você quando vai comprar uma pasta de dente, ou creme dental pega o que encontra pela frente sem ler o rótulo ou a sua destinação, cuidado.

Leia mais

Confira os lançamentos da Netflix para junho

Conheça as doenças que podem se manifestar pelos nossos olhos

Para quem acredita que creme dental é tudo igual hoje vamos falar o que você precisa saber para escolher o que mais se adequá as suas necessidades.

O primeiro ponto que devemos demarcar é que os cremes não são todos iguais e cada um possui uma funcionalidade específica. É possível perceber isso mais nitidamente quando notamos que há dentes sensíveis, dentes que precisam de uma dose a mais de cálcio e assim por diante. A diversidade de marcas surpreendentemente constata o que já é uma realidade no mercado. As pastas de dente não são apenas para remover a sujeita dos dentes. Apresentam assim inúmeras outras funcionalidades. Saber qual a sua necessidade sem dúvida otimiza a sua escolha.

O que há dentro do tubo?

Como comentamos anteriormente surpreendentemente o creme dental não serve atualmente apenas para manter o hálito e os dentes saudáveis. É responsável por inúmeras outras funcionalidades e para escolher a sua é preciso atenção.

Vamos inicialmente conhecer os principais compostos dos cremes atualmente. Conhecendo cada componente a escolha poderá ser mais assertiva.

Um creme dental é constituído basicamente das seguintes substâncias:

-Abrasivo: o composto abrasivo é o componente responsável pela limpeza dos dentes. É essa a substância responsável pela higiene.

-Edulcorantes: os edulcorantes são os compostos que dão o gostinho levemente adocicado das pastas que assim se apresentam.

-Flavorizantes: essa talvez seja a característica mais conhecida do creme dental, o seu sabor. Os flavorizantes são os sabores aplicados à mistura. Podem ser de menta, hortelã, eucalipto e até mesmo tutti frutti presente contudo principalmente nas versões infantis.

-Espessantes: os espessantes dão a mistura uma homogeneidade e é o que a faz engrossar.

Outros compostos que estão presentes na pasta de dente são os conservantes, que mantém a pasta em boas condições de uso no seu prazo de validade. Há também o umectante que garante uma mistura macia e cremosa. Ou seja, o creme dental não resseca com o tempo. Temos também os tensoativos que são basicamente os compostos responsáveis pela quebra da gordura e de partículas menores de sujeira.

Os agentes terapêuticos concomitantemente muito presentes resultam nos efeitos preventivos da pasta. Por exemplo, são os agentes terapêuticos responsáveis pela proteção contra cárie, halitose dentre outros.

Qual eu devo escolher?

Essa é uma pergunta interessante e a sua resposta norteia esse texto. Muitas marcas no mercado atualmente apresentam-se com a propriedade de branqueamento dos dentes. Realmente é possível obter essa funcionalidade dos cremes dentais nos dias de hoje. Todavia esse resultado é advindo de uma maior carga de compostos abrasivos.  Por isso costumeiramente vemos mas propagandas a seguinte frase “x número de dentistas aprovam”. Ainda temos marcas que colocam no rótulo que o seu uso deve ser indicado por um especialista. Isso acontece porque essa maior concentração de abrasivos que realmente ajudam no processo de branqueamento dos dentes a longo prazo pode causar sérios desgastes no esmalte do seu dente. Por isso recomendamos que os cremes com poder de branqueamento sejam utilizados apenas com orientação do seu dentista de confiança e por tempo limitado.

O que eu devo me atentar?

creme dental

Mais do que evitar cremes dentais abrasivos de mais é necessário que você se atenha a outro ponto extremamente importante no que diz respeito a saúde dental. Veja, invista em cremes dentais que apresentam boa concentração de flúor. Essa dica vale tanto para pastas de dente infantis, adulto ou infanto-juvenil. O flúor é o principal agente terapêutico do mercado e atua prevenido a cárie, a halitose e o desgaste dos dentes.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 4.5
Total de Votos: 2

Creme dental: dicas para escolher o melhor para você

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

2 respostas para “Creme dental: dicas para escolher o melhor para você”

  1. […] Creme dental: como escolher o melhor? […]

  2. […] Como escolher o melhor creme dental para você? […]