Cuidados com seus pets neste verão

  • Os pets e o verão: cuidados especiais
  • Cuidados com o seu animalzinho em casa no calor
  • Sintomas de desidratação

Estamos enfrentando de fato altas temperaturas. Se para nós já está difícil imagine para os nossos pets.

Este post nasceu dos cuidados especiais que devemos adotar com nossos bichinhos com estas altas temperaturas em um verão extremamente quente.

Leia mais

Conheça os benefícios do Ômega 3 para sua saúde

A joelheira Alasca é boa?

O verão e os nossos pets

pets

Se você acha que está difícil aguentar as altas temperaturas certamente investe em meios de amenizar o calor.

É açaí, sorvete, piscina, roupas mais curtas e frescas dentre outras inúmeras opções. Ar condicionado, ventilador, banhos mais frequentes em temperaturas mais baixas. Agora no caso dos nossos pets o que  podemos fazer para amenizar o calor deles?

Nós já sofremos com o calor em dias quentes e abafados mesmo com pouco tempo expostos ao sol. Mas não é apenas nós que sofremos com o calor excessivo. Como comentamos anteriormente nossos pets também sofrem e como eles não são independentes dependem de nós para que possam se refrescar e atenuar as altas temperaturas.

É nessa época do ano que a atenção com eles deve ser maior. Por isso reunimos algumas dicas para que você consiga refrescar os seus pets e evite que eles sofram com insolação.

Cuidados com os pets no passeio

Você tem o hábito de passear com seus pets? Se você tem o hábito de levar o seu pet para passear é melhor tomar cuidado. Veja, se você for levar o seu pet para passear evite horários onde o calor esteja extremo. Prefira sempre períodos da manhã ou fim de tarde. Sempre que sair leve um material para que possa fazer sombra para o animal, pode ser um guarda sol, e/ou um chapéu especial para pets.

Focinheiras: cuidado ao escolhê-las

Nessa época do ano é preciso que você escolha as focinheiras com cuidado. Veja, as focinheiras de nylon são as menos indicadas ainda mais no verão. Isso porque as focinheiras deste material não permitem que o animal arfe, ou seja, abra a boca para respirar fundo. O mais indicado são as focinheiras de metal. Elas permitem que o animal possa arfar e respirar melhor. Mas sempre que puder evite utilizar este produto.

Dentro de casa também é preciso cuidado

Não é porque você não está saindo para passear com seu pet que ele conseguirá fugir do calor estando em casa. Mesmo em casa os pets precisam de nós para amenizar o calor.

As refeições devem ser sua preocupação neste verão. Isso porque é preciso notar se o seu animalzinho consome pouca água. Caso ele consuma pouca água é necessário oferecer uma alimentação  com alimentos mais úmidos para tentar manter o animal hidratado.

Escolha comida com atenção para que o animal sinta vontade de se hidratar logo após a refeição assim sendo ele se manterá longe da desidratação. Como bem sabemos a desidratação é comum no verão.

E por falar em água, em casa o acesso a água é mais facilitado. Entretanto, é preciso que o líquido seja frequentemente trocado. Estando sempre fresco e limpo.

Seu pet está desidratado?

Um sinal clássico e recorrente de que o cão está desidratado sem dúvida é o animal manter-se com a boca aberta e a língua para fora na maior parte do tempo.

Preste atenção ao seu pet, veja como ele se comporta. Em caso de qualquer anormalidade em seu comportamento procure imediatamente um médico veterinário de sua confiança.

Se você puder e se tiver como, coloque o animal em um ambiente com você e o deixe aproveitar o vento produzido pelo ventilador. O ventilador assim como para nós ajudará a diminuir a temperatura.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 5
Total de Votos: 2

Cuidados com seus pets neste verão

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: