Opção mais procurada: Repelentes naturais funcionam?

  • Repelentes naturais: Quais os mais utilizados
  • Qual a sua funcionalidade?
  • Opções alternativas

Se tem uma época do ano onde vemos os mosquitos e pernilongos com maior frequência sem dúvida é no verão. É nesta época também que vemos mais a presença e a importância dos repelentes.

Amado por alguns, detestado por outros não podemos ignorar o fato de que é justamente nesta época do ano, por conta do calor, da pele mais exposta e também da baixa umidade do ar que acabamos sendo picados de maneira recorrente por mosquitos dos mais diversos.

Leia mais

Açaí: quais os benefícios do consumo regular desta fruta?

Benefícios do Ômega 3 para sua saúde 

Além da dor de uma picada ainda vem o incomodo que fica pela sensação de coceira. Desta forma, não basta apenas que você tenha de lidar com a picada mas também com sua coceira subsequente.

Desta maneira é comum que encontremos inúmeras opções caseiras e naturais de repelentes. Mas será que eles realmente funcionam? É disse que falaremos no post de hoje.

Os repelentes mais indicados e utilizados

Repelentes naturais e caseiros mais utilizados e indicados para uso são os repelentes com base de cravo e/ou canela, citronela, álcool e afins. Normalmente são encontrados em forma de spray ou creme, mas também pode ser encontrado em pulseiras. As pulseiras com aroma de citronela foram muito utilizadas a alguns anos como repelentes para o combate ao mosquito transmissor da dengue, Aedes Aegypti. Mas será que estas opções caseiras são de fato eficientes para proteger contra a picadura destes mosquitos?

Repelentes e opções naturais qual a sua eficácia?

O repelente natural e caseiro possui a sua eficácia, precisamos destacar que de fato são eficazes de acordo com a crendice popular. Todavia são opções com baixo tempo de ação. Ou seja, eles protegem você do ataque por pouco tempo, sendo necessário a sua reaplicação mais rapidamente.

Muitas vezes a opção pelos repelentes naturais acontece porque são opções mais baratas para o bolso do consumir. Entretanto, com a reaplicação podem acabar sendo opções de valor bem salgado.

Isso porque o tempo de ação de um repelente natural é de cerca de vinte minutos apenas.

Há quem acredite no uso de plantas com odores que podem desagradar mosquitos de um modo geral, assim como soluções caseiras imersas em

água.

Não somos contra a utilização de nenhum destes métodos, a única questão aqui é que não há comprovação científica de sua eficiência.

Opções alternativas

repelentes

Há algumas opções que embora também não tenham comprovações científicas de eficácia não há tempo de “validade” ou seja, não se limitam a quinze ou vinte minutos de ação.

Uma destas opções é o uso do ventilador. Parece inacreditável não é? Mas sim, o ventilador de pé pode ajudar a afastar os mosquitos de você e consequentemente evitar picadas.

Escolha um ventilador de altura mediana e coloque em um determinado canto do cômodo em que mais fica e que sente a presença dos mosquitos e pernilongos.

Este é um meio de manter os mosquitos longe de você. Em dias muito quentes deixe o ventilador ligado pela manhã e também a noite.

Uma outra opção é manter a casa sempre limpa. Isso para o caso do aparecimento de mosquitos de maneira recorrente em casa. Manter a casa sempre limpa, principalmente a região do banheiro e da cozinha são fundamentais para deixar estes bichinhos longe de você.

O mosquito a dengue, zika ademais

Para contrair qualquer uma destas doenças e eventualmente outras transmitidas por mosquitos basta apenas uma picada. Em caso de sintomas como febre, dores no corpo, manchas e ademais procure imediatamente um posto de saúde e relate os sintomas. Nada de investir em remédios caseiros e mirabolantes neste momento. Caso a picada já tenha acontecido procure no menor sinal de anormalidade um médico de sua confiança, essa é a melhor recomendação.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Opção mais procurada: Repelentes naturais funcionam?

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Uma resposta para “Opção mais procurada: Repelentes naturais funcionam?”