Artista gasta mais 1000 horas fazendo CROCHÊ em forma de coração usando fios metálicos

Anne Mondro: O Papel do Trabalho Criativo na Saúde

wire-crochet-heart-anne-mandro-7

A artista Anne Mondro está pondo em prática a arte com estes corações anatômicos surpreendentes. Ela os faz de crochê com fio de cobre estanhado e temos a certeza que você vai concordar que os resultados são nada menos do que espetacular.

Mondro é professorora associada na Escola de Arte e Design da Universidade de Michigan. Ela passou cerca de um ano pesquisando a anatomia de um coração, a fim de garantir que sua arte era tão anatomicamente correta, quanto possível. Ela descobriu como fazer seus corações usando o software de modelagem 3D e ela complementou o processo passando tempo no laboratório de anatomia.

wire-crochet-heart-anne-mandro-5

“Esta peça é muito pessoal”, explica a artista. “Eu tenho trabalhado com adultos mais velhos com perda de memória e seus cuidadores. É tão intenso ser um cuidador. Quando você se importa com um ente querido, os dois se entrelaçam. Você assume suas vulnerabilidades, mas também seus pontos fortes. Ao pensar nessa relação, era importante que essas formas estivessem ligadas de alguma maneira”

wire-crochet-heart-anne-mandro-4

Em um de seus projetos recentes, usando o fio e um par de agulhas de crochê, ela construiu formas esculturais na forma de corações anatômicos. “Ao pensar nessa relação, era importante que essas formas estivessem ligadas de alguma forma”.

Em 2006, ela desenvolveu um curso de engajamento comunitário intitulado Retaining Identity: o papel da criatividade no ambiente de saúde, no qual estudantes de arte e design se associam com pessoas com demência. O curso trabalha com o Centro Geriátrico U-M para explorar o potencial da arte para elevar o espírito humano em tempos de doença.

No inverno passado, os alunos se reuniram semanalmente com os membros do Silver Club Mild Programa de Perda de Memória e do grupo Elderberry (apenas idosos) para fazer o trabalho criativo em conjunto.

Anne diz: “Meu trabalho de estudo costumava ser separado do meu ensino. Mas, recentemente, os dois tipos de trabalho começaram a informar uns aos outros. De fato, ensinar aulas de engajamento social, me trouxe contato com adultos mais velhos com perda de memória e seus cuidadores”.

Anne Mondro recebeu uma bolsa da Universidade de Michigan para prosseguir a pesquisa interdisciplinar estudando os efeitos da criatividade sobre cuidadores e beneficiários. Ela estava em Amherst fazendo pesquisas, que é financiado pela Sociedade Emily Dickinson Internacional: “Eu amo o trabalho de Emily Dickinson Internacional e a forma como ela usou a dor e o luto como inspiração”.

wire-crochet-heart-anne-mandro-9

Estudantes têm claramente encontrado inspiração no curso de Anne. Um aluno, escrevendo sobre o curso Retaining Identity no blog de classe, discute seu impacto:

“Hoje nós trabalhamos em uma obra de arte, mas passamos a maior parte do tempo discutindo nossas famílias, experiência de vida e o que vem depois. No entanto, pela primeira vez no final da nossa reunião, minha parceira Elderberry expressou-me a sua gratidão e amor para o programa que fazemos parte. Discutiu como as tardes de terças foram o destaque de seus meses passados, e como ela era bom tudo aquilo. Ela expressou como ser criativo e conversar mantinha sua mente longe da doença, e trouxe muita alegria para sua vida. Ela também expressou como mais cedo o grupo ouviu a música de sua juventude, e que ela a fez se sentir tão calma, relaxada e feliz pela primeira vez em um tempo

Na sala de aula, fizemos muitas leituras sobre os efeitos positivos das artes sobre as pacientes com demência, mas ouvir em primeira mão foi uma experiência notável e esclarecedora. Também me inspirou a continuar este tipo de trabalho no futuro”.

wire-crochet-heart-anne-mandro-2

Poder fazer corações felizes através de corações metálicos. Não tem preço. Tudo que o artesanato Proporciona. Saúde no corpo e na mente.

O que achou? Dê uma nota:

Avaliação média: 4.67
Total de Votos: 3

Artista gasta mais 1000 horas fazendo CROCHÊ em forma de coração usando fios metálicos

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: ArteblogEm: dezembro 9, 2016 | Em Crochê  |