Como fazer aguardente ou a cachaça de cana de açúcar de forma artesanal

A famosa pinga ou cachaça que é o nome oficial registrado, documentado e carimbado como a legítima aguardente brasileira no mundo inteiro, ou seja, pode tomar a cachaça brasileira em Paris, Nova Iorque, Lisboa e outros cantos da terra.

Fazer um alambique pequeno para produzir uns 50 a 100 litros diários não é tão complicado e não é muito o investimento, isso se ter um bom pedaço de terra para plantar a cana de açúcar, pelo menos uns 10 alqueires já é suficiente.

Montar um alambique com um engenho para moer a cana que pode ser elétrico ou movido a vapor, uma pequena fornalha para ferver a garapa, 2 tanques abertos de pelo menos 500 litros cada e alguns barris de carvalho ou inox para armazenar a pinga.

Tem fabricantes de equipamentos industriais que fornecem a linha completa de um alambique, com o destilador de cobre, tanques de inox e o engenho para moer a cana, como o Divinópolis Ltda. Além do maquinário, eles oferecem um curso intensivo para que a pessoa aprenda a usar o equipamento e fabricar a cachaça.

Como plantar e fazer as mudas da cana:

  • Cortar gomos de pelo menos dois nós que tenham pelo menos 2 gemas ou os olhinhos em perfeito estado
  • Fazer covas com distância de 20 cm e enterrar os gomos deitados cobrindo levemente terra
  • Dentro de 20 a 30 dias estará aparecendo fora da terra os brotinhos

cana broto

cana1

cana crescimento

Processo básico:

  • A cana de açúcar depois de plantada demora cerca de 15 a 18 meses para poder ser cortada.
  • Após cortar e transportar para o engenho, a cana é moída para extrair a garapa.
  • A garapa vai para tanques de fermentação e ficam de 24 até 48 horas fermentando com a adição de um fermento especial comprado pronto em mercados que é levedura Saccharomyces cerevisae ou quem sabe fazer o caseiro misturando fubá de milho, água e farelo de arroz.
  • O ponto é quando a garapa ficar soltando bolhas e com cheiro forte, meio aromatizado. Retira-se toda parte fermentada e deixa o fundo que vai servir para fermentar a próxima moagem de cana que deverá ser na sequência.
  • Depois vai para o alambique que será feito a fervura para extrair a cachaça.
  • No início vai sair um destilado com teor alcoólico bem grande e vai diminuindo até ficar bem fraco é o momento de parar de coletar a pinga. Este restante é chamado de água fraca e é dispensada.
  • A cachaça deve ficar com teor alcoólico entre 38 a 54 GL.

cana fermentacao

 

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: Arteblog - FranciscoEm: setembro 18, 2015 | Em Agricultura, Máquinas  | Tags: