Como reformar uma bolsa usando tinta e pincel

Toda mulher tem em seu armário uma velha bolsa feita de couro ou de imitação deste material. Especialistas em organização da casa dizem que um acessório, um calçado ou uma roupa devem ser doados se você não os usa há mais de um ano.

Se você não quer se desfazer daquela antiga bolsa, confira o passo a passo da Glitter para reformar esta peça. Vamos lá?

Bolsa Pinta Couro

Fonte: [Glitter]

Sobre a Tinta Pinta Couro da marca Glitter:

Primeira tinta acrílica para couro a base de água do Brasil. Ideal para restaurar e customizar artefatos em couro.

Sobre o produto:

Produto indicado para pintura em couro que também pode ser usado em madeira, cerâmica, alumínio, gesso e outros. Para couros sintéticos ou tratados, teste antes. Disponível em cores e tons metálicos em frascos com 37ml.  Cores miscíveis entre si. Resistente a lavagens.

Modo de usar:

Agitar bem o frasco e aplicar com pincel ou rolinho de espuma, em camadas finas. Se necessário, diluir com um pouco de água. Limpar a superfície ser pintada com álcool. Lavar os pincéis e utensílios com água antes da secagem.

Dicas de uso:

Pode ser utilizada também para pintar ou como base em artesanatos que reutilize materiais recicláveias como latas de aço, caixas de leite e plástico (garrafa PET). Limpar a peça com álcool, deixando-a mais porosa e/ou livre de impurezas e gorduras. Com um lápis ou lapiseira, riscar o motivo desejado, se preferir use o carbono para transferência do motivo.

Dúvidas mais freqüentes:

Pintei minha sandália de couro sintético e a Pinta Couro não aderiu adequadamente. O que houve?
Antes da pintura, verifique a qualidade do material. A Pinta Couro é indicada para couros legítimos, embora haja couros sintéticos porosos que aderem a Pinta Couro muito bem. Existem outros couros sintéticos, quase plásticos, que não permitem a aplicação adequada.

[Glitter]

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: