Como fazer colar rendado – Passo a passo

Misturando contas e renda, a delicadeza toma conta de qualquer produção, mas quando se mistura as duas coisas em um único elemento? Que tal fazer um colar (ou mesmo uma pulseira) que una a elegância da renda com a simplicidade das contas? Você pode usar pérolas, cristais ou até mesmo outras, mais simples.

Pode usar rendas de fibra de coco com sementes, e o que mais a sua imaginação se permitir fazer.

1332184213_colarpreto_passo02_19-03-12

Aprenda a fazer um colar com pingente de laço

Veja como fazer um colar triplo de pérolas

 

E tudo isto pode ser feito com coisas simples, que são encontradas em qualquer cidade que tenha uma loja de bijuteria para comprar os alfinetes, alicates, contas e um bom armarinho para comprar a renda. Depois, é só seguir o passo-a-passo que mostramos nas fotos para confeccionar seu próprio colar. Por ser tão diferente daquilo que se encontra hoje pelas lojas, também pode ser uma boa opção para gerar um complemento para sua renda e ainda garantir boas férias em janeiro.

Colar rendado

colarpreto_533_19-03-12

Que tal? Vamos aprender como fazer? Ele vai ser um ótimo companheiro para as roupas mais simples, sofisticando-as! Através do modo de preparo você vai poder ver que a composição é simples e basta que você ouse um pouquinho para que o colar se transforme em algo ainda mais sensacional!

Você vai precisar de:

  • Jogo de alicates
  • 20 pedaços de renda ou guipir cortados de 4 em 4 cm na cor pretendida
  • Contrapinos
  • Elos
  • 40 cristais médios na cor preta
  • Fecho lagosta

Modo de fazer:

1332184211_colarpreto_passo01_19-03-12

Comece colocando uma conta média no contrapino. Use uma que se destaque na renda, podendo ser esta lapidada como cristal, pérola ou até mesmo uma semente. Aqui foi utilizada uma conta da mesma cor da renda, mas isto pode ser alternado entre pedaços coloridos e contas coloridas também.

1332184213_colarpreto_passo02_19-03-12

Pela borda da renda, passe um pouquinho pelo alfinete, franzindo-a bem. Isto garante que os “pomponzinhos” se formem, deixando a peça ainda mais bonita. Caso queira, você também pode optar por fazer com pedaços maiores de renda, fazendo um colar mais longo.

1332184214_colarpreto_passo03_19-03-12

Insira uma segunda conta, deixando a renda bem apertada entre as duas. Isto garante algum movimento visual para a peça, além de deixá-la ainda mais delicada. Neste momento você também pode substituir a cor desta peça que fica no meio, dando um destaque ainda maior para cada uma das “contas”.

1332184215_colarpreto_passo04_19-03-12

Coloque a última conta, totalizando três no alfinete. Depois corte o alfinete com a alicate de ponta chata, para depois torneá-lo com a de bico fino. Tome cuidado neste momento, para que fique bem uniforme o torneado, para que a peça final não fique muito diferente das demais. Aliás, é interessante fazer uma pequena marca na altura que for tornear, uma vez que o tamanho da argola pode variar conforme o lugar em que se coloca ela para ser torcida.

1332184217_colarpreto_passo05_19-03-12

 

Repita o processo quantas vezes achar necessário. Recomendamos que seja um mínimo de 40. Depois, ligue dois destes alfinetes com uma argola. Ou ainda, para fazer um colar maior, use mais alfinetes.

1332184219_colarpreto_passo06_19-03-12
Depois de todos montados, coloque uma argola em cada uma das pontas. Em uma, coloque o fecho.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook: