Como cuidar de seu aquário

Os peixes são ótimos animais de estimação para quem não gosta de barulho e de ser incomodado na sua rotina diária. Silenciosos, amenos, de várias cores e tamanhos. Assim como os cães e os gatos, os peixes também precisam da atenção de seus donos.

Observá-los é fundamental, já que, claro, eles não podem gritar por socorro, por comida etc.

aquario

Antes de mais nada, você deve se preocupar com o aquário, antes mesmo dos peixes. Ter um bom filtro é essencial. Os melhores são os externos, já que são fáceis de manter e não ocupam espaço dentro do aquário. Muitos pensam que os aquários precisam ser desmontados com frequência para ser limpo. Isso não é verdade. O que se precisa é trocar a água. E essa troca por ser parcial, 20 a 30%, e pode ser feita uma vez por semana ou de 15 em 15 dias.

Engana-se também que a água mineral é a melhor opção, o ideal é a água da torneira, é só acrescentar algum produto para neutralizar o cloro e os metais pesados.

A beleza do aquário pode dar vida à sua sala de estar. Mas, algumas dicas devem ser levadas em conta: Deve se evitar lugares com muita claridade, pois a luz favorece o aparecimento de algas. Há ainda algumas espécies que são mais tímidas e não se sentirão muito bem se o aquário estiver num local com grande movimentação de pessoas.

Outro cuidado é na hora de transportar o aquário. Ele deve estar vazio, pois a pressão da água pode fazer ele estourar. E também, a movimentação da água, dos troncos e das pedras pode causar estresse e até mesmo ferir os animais.

GEDSC DIGITAL CAMERA
GEDSC DIGITAL CAMERA

Os peixes podem ficar estressados também, não é luxo somente dos humanos. Existem peixes que não conseguem conviver com outros peixes, por isso, muita atenção. Peça ajuda e orientação de um profissional. Uma dica é seguir os parâmetros do ph da água do habitat natural e escolher peixes da mesma região.

A incompatibilidade é tão grande que um pode ser o predador do outro, por isso, atenção. Outra dica também é comprar peixes de tamanhos parecidos, senão numa briga o maior pode acabar comendo o menor.

Para que um peixe não coma os outros, alimente-os. As rações podem ser encontradas em enorme variedade e faixas de preço. Uma embalagem de uma boa ração custa entre R$ 10 e R$ 20 e dura meses.

A dica para saber se seus peixes estão bem alimentados é observar se eles levam mais de dez segundos para acabar com a comida oferecida. Se passar desse tempo é porque se deu muita ração. A alimentação deve ser feita duas vezes por dia, pela manhã e no final da tarde.

aquario1

Não pense que seus peixes estão passando fome. É normal eles passarem o dia procurando comida entre rochas e plantas. Isso não significa que estão famintos, é só um dos hábito de peixes. Alimentos vivos pode ser oferecidos, mas esporadicamente e não estar na dieta.

Um sintoma importante para detectar doenças é quando o animal não se interessa pela comida, fica nadando somente num canto do aquário e com as nadadeiras quase sem movimento. Algo pode estar errado e você de levá-lo a um veterinário.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: Arteblog - RafaelEm: maio 19, 2011 | Em Animais domésticos, Geral  | Tags: ,