Como guardar as roupas de inverno e mantê-las novas

Entra inverno, sai inverno, lá estamos nós ensacando e empacotando as roupas para que não fiquem com cheiro de bolor ou estrague. Para essa tarefa se tornar mais fácil e rápida trouxemos algumas dicas de como guardar as peças e mantê-las sempre novinhas no armário.

Deixar as roupas por muito tempo dentro do armário é muitas vezes o vilão das roupas, pois, ficam sem ventilação, luz e limpeza. Assim, acumulam poeira, alimento predileto dos ácaros. Jamais deve-se também guardar roupas que foram usadas pois a descamação da pele e o suor deixados na roupa também fazem com que ela estrague ou que o cheiro impregne e não saia mais. Por isso deve-se arejar o ambiente onde as peças estão guardadas. Outra dica também é leva-las ao sol, isto fará com que se reduza a proliferação dos ácaros, principais responsáveis pelo mau cheiro nas roupas.

Como guardar: esse é outro grande problemas com as peças de inverno. Blusas volumosas, edredrons pesados, mantas. Ocupam um espaço enorme e depois de meses guardados ficam com cheiro ou ás vezes até com bolor. Uma ótima opção são os spaces bag. São embalagens feitas de plástico, onde se retira todo o ar com o aspirador, diminuindo muito o volume ocupado pela peça. Além de otimizar o espaço, ele previne contra bolor, ácaros e manchas.

Quando se trata de roupa branca deve-se ter um cuidado extra para armazená-las. Elas devem ser guardadas em embalagens de plástico azul e que não entre luz. Isto irá evitar que as peças fiquem com manchas nas dobras.

Lembre-se de que ‘roupa guardada úmida é roupa perdida!’. Se a peça estiver úmida, coloque para secar. O mesmo vale para roupas com qualquer tip de cheiro, mesmo perfume. Lave e seque por completo antes de guardar. Assim vai evitar que a roupa se estrague. E isto vale para qualquer peça, seja de inverno ou de verão.

Roupas de couro? Ponha no sol! Da mesma forma que a camurça, o couro requer muito cuidado já que ele não é amigo da água. Ele só pode ser limpo com vaselina e em pequenas quantidades. A água o deixará com manchas brancas. A vaselina, líquida ou creme, é a única forma de lavar o material. A maneira ideal para guardar as peças desse material é ‘a cada 6 meses de uso, deixe as peças devem ser expostas durante 48 horas ao ar livre e sol.

Já com a lã o cuidado deve ser na hora de secar. O sol excessivo pode deformar a peça. O recomendado é secá-la a sombra. Assim como a lã, os casacos e blusas de algodão mais pesados, como os moletons, devem ser guardados com o zíper fechado e dobrados seguindo a costura. Se for no cabide, cabides iguais; nas gavetas, dobras iguais, seguindo um padrão.

As roupas de cama, como os edredrons, mantas, cobertores etc, devem ser mandados para uma lavanderia especializada para lavar. De volta para a casa, deve-se passar antes de guardar. As peças sempre voltam um pouco úmidas.

Por último, os calçados. São os dão mais trabalho, não importa a estação. A limpeza deve ser feita com flanelas, para os mais delicados, e esponjas, para os mais robustos. O sapato deve ser limpo por dentro e por fora, para tirar o suor e a poeira. O ideal é, sempre que usar, passar um pano para eliminar os resíduos e diminuir as chances de criar cheiros. Após a lavar, deixá-lo ao ar livre por um dia antes de colocar de volta à sapateira, e esta deve ser aberta toda semana para arejar os calçados.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: Arteblog - RafaelEm: maio 16, 2011 | Em Dicas diversas  | Tags: , , ,