Plantas medicinais liberadas pelo Ministério da Saúde

Plantas medicinais poderão ser receitadas pelo SUS para tratamento de algumas enfermidades, informou o Ministério da Saúde. Ao todo são 6 espécies de plantas considerados medicamentos fitoterápicos.

Medicinais

As plantas medicinais que foram estudadas e liberadas:

Alcachofra

Alcachofra – nome científico “Cynara scolymus L”

  • Usada no tratamento de dores abdominais relacionadas com o fígado e bile, combate a anemia e eczemas.Para fazer o chá: Coloque 3 colheres (chá) de folhas picadas e tres copos de água, deixe ferver por uns 4 minutos, desligue o fogo e deixe esfriar sem destampar. Coe e tome 1 copo 3 vezes ao dia antes das refeições. O consumo pode ser em forma de salada.

Aroeira

Aroeira

  • nome científico “Schinus terebinthifolius” – Usada no tratamento de problemas ginecológicos usado como anti-inflamatório. Tire a casca, lave em água corrente, depois coloque uns 3 pedaços  em um litro de água e ferva por 10 minutos, tome 1 copo 3 vezes ao dia. É indicado também para lavar partes do corpo afetado com feridas, reumatismo e úlceras.

cascara

Cáscara sagrada

  • nome científico “Rhamnus purshiana D.C.” : Problemas intestinais e um laxante leve – fazer um chá usando 3 cascas em um litro de água fervendo por 5 minutos, espera esfriar, coa e conserva na geladeira. Tomar 2 xícaras ao dia.

Garra do Diabo

Planta e semente da planta garra do diabo

Garra fruto

Garra do diabo –

  • nome científico “Harpagophytum procumbens” –  antiinflamatório e doenças reumáticas. Ferver 1 litro de água e adicionar 2 colheres (chá) da garra do diabo picado, espere esfriar, coe e beba 2 xícaras por dia antes da refeições.

Isoflavona

Isoflavona da soja:

  • Tratamentos de sintomas da menopausa, reposição hormonal, prevenção da próstata e muitos outros benefícios para a saúde.  A isoflavona é um composto da soja que o organismo retira quando consumimos, pode ser em forma de extrato, leite, queijo tofu ou misturando a farinha em vários alimentos, como bolos, saladas, vitaminas e outros. Quantidade diária suficiente: de 30 a 50 gramas.

Unha de Gato1

Unha de gato:

  • Anti-inflamatório no combate da artrose, artrite reumatoide e osteoartrite, amigdalite, antiabortivo, reumatismo, sinusite, rinite e abscessos cutâneos. Modo de fazer o chá: Pega aproximadamente uma colher (sopa) de unha de gato e coloca em um litro de água. Leva ao fogo e deixa ferver por uns 5 minutos. Retire e deixe esfriar com a panela tampada e depois coe. Tome 2 xícaras ao dia.

As receitas são indicativas, mas sempre siga as instruções do seu médico que vai administrar as doses de acordo com o diagnóstico.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

Por: Arteblog - FranciscoEm: dezembro 27, 2009 | Em Ervas medicinais  | Tags: , , ,  

3 respostas para “Plantas medicinais liberadas pelo Ministério da Saúde”

  1. Até que enfim um ministro leu a bula dos medicamentos,a salvação da cidade de Buritis,são os remédios naturais principalmente as gotinhas milagrosas da D.Martinha que atende todoso dias +ou -70 pessoas com dengue.Abs a todos..

  2. Ennio Gomes disse:

    O Ministério está liberando ervas que nós, os mortais, usamos há séculos. Isso é uma "liberação" com atraso impressionante. Ciência???… Hum…!

  3. […] Detalhes dos benefícios, fotos e receitas de como fazer o chá no Arteblog.net. […]