Como é a fabricação de Whisky

Alambique

O Whisky é produzido em 4 etapas: Maltagem, mahing, Fermentação e destilação. Dizem os especialistas em bebidas que o bom Whisky não dá dor de cabeça, aquela dorzinha no outro dia que chamam de ressaca. A boa bebida é feita seguindo rigorosamente os padrões de qualidade e etapas pré-estabelecidas, usando a melhor matéria prima.

Na produção do Whisky escocês, quando feito a partir da cevada maltada, as suas sementes são germinadas para que as enzimas possam preparar o amido presente para a sua conversão em açúcar. Depois as sementes são enxutas para que a germinação se interrompa. Antes da germinação a cevada é misturada e peneirada para remover os corpos estranhos. Posteriormente, é submersa em tanques especiais durante dois ou três dias e espalhada numa ampla área para que se dê início à germinação. Esta demora de 8 a 12 dias, dependendo da região, sendo interrompida quando as sementes germinadas alcançam o tamanho de uma polegada. Este malte verde é posteriormente seco em estufas ou com fornos aquecidos com turfa (os chamados kilns) de forma célere. A qualidade e características do Whisky escocês dependem da turfa utilizada, uma vez que esta concede ao Whisky um sabor a fumaça. A história completa e modelos de alambiques está no site Copper-alembic.com

As primeiras destilarias em que se tem registro são datadas do ano de 1640 nos Estados Unidos e trazidas pelos escoceses e irlandeses.

Gostou deste artigo? Veja mais como estes curtindo nossa página no Facebook:

1 Star
Loading...
Por: Arteblog - FranciscoEm: julho 10, 2008 | Em Curiosidades  | Tags: , , ,  

Comentários

comentários

3 respostas para “Como é a fabricação de Whisky”

  1. Tiago Filipe disse:

    Quero vira fabricante de whisk,assim poderei degustar á vontade,e jogar um game ainda.

  2. João Machado disse:

    Procuro saber como fazer whisk , para fazer o meu proprio. Já que o produto é muito caro, preciso faze-lo.

  3. j. eduardo disse:

    a ideia e boa